Nomes de Bebés - Tendências e Inspiração de nomes de menino e de menina

Nomes de Bebés - Tendências e Inspiração de nomes de menino e de menina

Há pais que desde cedo sonham com os nomes que um dia vão dar aos seus Pulguinhas e para estes o processo de seleção de um nome próprio é simples, a decisão já foi tomada há muito. Mas para a grande maioria não parece ser esse o caso e o processo de escolha de busca do nome próprio ideal para menino ou menina ainda demora e é cheio de dúvidas.
Para quem tem um rebento a caminho, e está à espera para ser mãe, a ideia de uma nova vida à espera de receber um nome, que é para sempre, pode revelar-se difícil. E se gostam muito do nome mas depois os outros usam um diminutivo? E se rima com parvoíces que depois os miúdos da escola possam gozar com eles? E se fica logo a ser o primeiro na chamada por ordem alfabética? E se fica sempre para último? E se adoram o primeiro nome e o segundo mas os dois juntos fica tudo estragado? São muitas dúvidas pelas quais os pais passam, mas também por isso, há muitas vantagens em perceber que escolhas fizeram outros pais antes de nós. Facilita a tomada de decisão, nem que seja por eliminar os nomes que percebemos logo que não vão a jogo.
Há quem decida só escolher o nome depois do parto, e de poder olhar para o rosto do bebé pela primeira vez, mas o mais comum é sonhar acordado com o nome que vai receber a Pulguinha quando ainda está bem aconchegada na barriga.
O registo de nascimento é a altura em que vai ser mesmo preciso saber o nome que se vai querer atribuir. Este registo pode ser feito em qualquer conservatória do registo civil mas também, preferencialmente, na maternidade onde nasce a Pulguinha.  
Para conhecer as opções disponíveis, olhamos para as tendências dos nomes próprios escolhidos em Portugal para bebés menino e menina nos últimos anos. Em Portugal os nomes próprios obedecem a regras, entre elas, têm de ser portugueses ou adaptados à língua Portuguesa e devem ser uma forma de identificar o género do bebé, permitindo perceber se é menino ou menina (No caso de pais estrangeiros estas regras podem não ser aplicadas). Para garantir que as escolhas de nomes de bebés estão dentro destes critérios existe uma lista de nomes admitidos e não admitidos.

ver lista aqui

Por isso, para ajudar à escolha, vemos também como cresceu a lista de nomes permitidos, que a cada ano é actualizada para deixar entrar mais algumas novidades. Por fim, espreitamos também as escolhas de alguns famosos que podem (quando encontram possibilidade na nossa lista de nomes aceites) inspirar a escolha dos pais. 


Nomes de bebés - As tendências

A cada ano é feito um ranking com os nomes preferidos dos pais Portugueses e é possível perceber quede ano para ano, há quase sempre os mesmos nomes no top, apesar de poderem trocar de posição entre si, alternando de lugares. 


Os nomes preferidos para menina:



Maria: Como nome único ou em combinação com outros, Maria continua a estar no primeiro lugar do top nacional, ano após ano. O clássico nome de origem hebraica significa “senhora soberana”, “vidente” ou “a pura”.


Leonor: De origem grega, significa “luminosa”, “luz”, “brilhante”.

Matilde: Com origem germânica, significa “guerreira forte”.

Beatriz: De origem latina, significa “a que traz felicidade”, “a que faz os outros felizes”, “a viajante”.

Clara: Com origem no latim “clarus”, significa “brilhante”, “ilustre”.

Carolina: Considerado como diminutivo de Carla, Carolina significa “mulher do povo”, "mulher doce".

Sofia: Diretamente do grego Sophia, é “a sábia”, um nome que é sinónimo de sabedoria. 

Ana: Vindo hebraico, Ana significa "cheia de graça” ou “graciosa". 

Alice: Com origem de inspiração francesa, Alice representa alguém de “linhagem nobre” ou que "apresenta qualidades nobres”.

Benedita: Sinónimo de “abençoada" ou “louvada", é a versão feminina do nome benedito, o bendito. 

Francisca: Também tem origem em França e Francisca significa “francesa livre” ou “a que vem de França”. 

Mariana: Com ligação ao nome Maria, representa a “senhora soberana cheia de graça” e “mulher pura”. 



 
Para os bebés rapazes também é habitual que, ano após ano, se repetiam as mesmas escolhas. Afinal de contas são os nomes preferidos dos portugueses e deve haver motivos para isso.

Estes são os nomes favoritos de menino:



João: Vindo do hebraico, significa “Deus cheio de graça”, “agraciado por Deus”.

Santiago: Com origem espanhola/ hebraica, é uma aglutinação de “Santo Tiago”.

Francisco: Com origem no latim, significa “francês”, “francês livre”. 

Afonso: De origem germânica, significa “pronto para a nobreza” ou “apto para ser nobre”.

Rodrigo: De origem germânica, significa “poderosamente famoso” ou “governante poderoso”.

Miguel: De origem hebraica, significa “aquele que é como Deus”, “cheio de graça”.

Martim: Um diminutivo de Marte, Martim, ou Martinho, significam “guerreiro”. 

Tomás: Com origem no Aramaico, Tomás significa à letra o gémeo. 

Duarte: Deriva do inglês Edward, é o “guardiao das riquezas”, o “abençoado”, o “ico”. 

Gabriel: Com origem hebraica, significa “homem de Deus”, “mensageiro de Deus”.

 
Outros lugares de inspiração estão à nossa volta e escolhemos alguns, seja por estarem já relacionados com o ano ou mês do nascimento do bebé ou por revelarem os gostos dos pais, nos ajudam a encontrar inspiração.


A cor do ano:

Todos os anos a Pantone elege uma cor do ano. Nem sempre será uma possibilidade de inspiração, mas se gostar, por que não apostar nesta fonte de inspiração que pode variar entre um Violeta um Rosa ou até onde a imaginação vos levar (e a lista permitir).


Signo chinês ou zodíaco:

Nenhum bebé se devia chamar Capricórnio ou Galo, mas dito isto há elementos dos signos que podem ajudar a inspirar nomes que nos habituámos já a adorar, como Constança ou Valentim. Encontrar no mês do nascimento do bebé ideias de características que valorizamos pode ser uma fonte de inspiração. 


Heróis de livros, séries ou filmes:

Não é estranho haver lá por fora pico de nomes de bebés inspirados em séries e filmes que fazem sucesso em determinada altura. Por exemplo, por ocasião do fenómeno do Game of Thrones houve, sobretudo no Brasil e nos Estados Unidos da América, um número ainda impressionante de novos registos de Daenerys e Khaleesi. Mesmo que não seja possível ir tão longe na criatividade para a escolha de nomes nacionais, é sempre possível encontrar nas obras preferidas uma fonte de inspiração. 


Os nomes dos filhos dos famosos:

Muitos estarão seguramente fora de questão, seja porque a lei não permite ou porque são de gosto duvidoso, mas outros nomes dos bebés de famosos, podem ser uma forma de encontrar novas ideias. 

Natalie Portman chamou à sua segunda Pulguinha o nome de Amalia. Uma escolha bem portuguesa (ou quase).

Já Beyoncé escolheu para os seus filhos gémeos os nomes de Carter e Rumi.
 
George Clooney e Amal Alamuddin também teve gémeos, a quem chamou de Ella e Alexander.

Nomes que podem bem encontrar semelhantes nos permitidos em Portugal.

Cristiano Ronaldo, alem de Cristiano Jr. é também pai dos gémeos Eva Maria e Mateo Ronaldo e de Alana Martina.  




Aqui espreitámos as tendências de 2021 e os nomes de menino e de menina mais escolhidos durante 2020. Se ainda estão indecisos pode ser bom passar em revista. 





Veja a lista de nomes escolhidos em 2017, 2018, 2019, 2020.

Deixe o seu comentário

Todos os campos são obrigatórios

Nome:
E-mail: (Não público)
Comentário:
Type Code

Categorias do Blog

Artigos populares

Artigos recentes

Procurar no Blog

Arquivo do Blog